Caracterização genética

Recentemente, a aplicação de técnicas biotecnológicas, como marcadores moleculares no melhoramento de plantas tem permitido grandes avanços, principalmente para seleção de genitores geneticamente divergentes, com grande potencial para maximizar e acelerar os ciclos de seleção para a cultura do eucalipto. O estudo da diversidade genética entre parentais contrastantes possibilita identificar as combinações híbridas de maior efeito heterótico (CRUZ e REGAZZI, 1994), propiciando um híbrido superior.

Objetivos

• Caracterizar a diversidade genética entre as progênies da primeira fase do projeto Populações Núcleos para direcionamento de pomares, auxiliando na escolha dos melhores indivíduos para cruzamentos e no conhecimento do sistema de reprodução;
• Auxiliar no direcionamento da seleção de matrizes superiores para compor os dois pomares (População Base e População Elite) e também poderá ser utilizado para empresas participantes, pois permitira a comparação com os materiais existentes dentro do programa de melhoramento da empresa;

Direcionamento dos pomares
• Pomar 1 – População Base – Anhembi/USP – previsão 2015: composta por um grande número de indivíduos superiores provenientes de polinização aberta.
• Pomar 2 – População Núcleo/Elite - Pomar IPEF – 2013/2014: seleção de indivíduos de alta performance, composto por um menor número de indivíduos, cruzados entre si, obtendo-se todas as combinações possíveis.




Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.