Scientia Forestalis, volume 44, n. 110
p.293-301, junho de 2016
DOI: dx.doi.org/10.18671/scifor.v44n110.02

Estudo anatômico e físico da madeira de Schizolobium parahyba var. amazonicum proveniente de povoamentos nativos da Amazônia Oriental

Anatomical and physical studies of Schizolobium parahyba var. amazonicum wood from native stands in eastern Amazonia

Marcela Gomes da Silva1
Fábio Akira Mori2
Gracialda Costa Ferreira1
Alessandra Oliveira Ribeiro3
Amélia Guimarães Carvalho4
Ana Carolina Maioli Campos Barbosa2

1Professora Adjunta. UFRA - Universidade Federal Rural da Amazônia. Av. Tancredo Neves, 2501 – Caixa Postal 917 - 66077-530 - Belem, PA, Brasil. E-mail: marcela.gsilva@gmail.com; gracialda.ferreira@ufra.edu.br.
2Professor Associado do Departamento de Ciências Florestais. UFLA - Universidade Federal de Lavras - Campus Universitário - 37200-000 - Lavras, MG, Brasil. E-mail: morif@dcf.ufla.br; anabarbosa@dcf.ufla.br.
3Doutoranda em Botânica Aplicada. UFLA - Universidade Federal de Lavras - Campus Universitário - 37200-000 - Lavras, MG, Brasil. E-mail: alebioribeiro@gmail.com.
4Pós Doutoranda em Engenharia Florestal. UFV – Universidade Federal de Viçosa. Campus Universitário  - Viçosa, MG  - 36570-000. E-mail: ameliagcarvalho@gmail.com.

Recebido em 19/01/2015 - Aceito para publicação em 19/10/2015

Resumo

O paricá, Schizolobium parahyba var. amazonicum (Huber ex Ducke) Barneby é nativo da Amazônia e vem se destacando em plantios comerciais nessa região, por apresentar um rápido crescimento e características apropriadas da sua madeira para indústrias produtoras de lâminas e compensados. Neste trabalho foram avaliadas as características anatômicas e físicas da madeira de paricá, de ocorrência natural no estado do Pará. O material nativo foi colhido nos municípios de Marabá, Pau D’Arco e Baião. Foram realizadas análises anatômicas e físicas da madeira seguindo as normas padronizadas para estes estudos. No estudo anatômico qualitativo não houve diferença entre as árvores nativas. As diferenças climáticas entre os municípios podem ter influenciado na estrutura anatômica quantitativa da madeira. A média geral das regiões para densidade básica foi de 0,33 g cm-3,e estatísticamente não houve diferença entre as regiões.
Palavras-chave: Paricá; Densidade; Anatomia.

Abstract

Paricá, Schizolobium parahyba var. amazonicum (Huber ex Ducke) Barneby is a native species from Amazonia that has been outstanding in commercial plantations of the region, due to its rapid growth and appropriate characteristics of its wood for plywood industries. In this paper the anatomical and physical characteristics of the paricá wood, from naturally occurring in the state of Pará, were evaluated. The native material was collected in the municipalities of Marabá, Pau D'Arco and Baião. Anatomical and physical analyses of timber were performed following the standard methods for these studies. The qualitative anatomical study did not show differences between the materials from native forest. For individuals of native forest, climatic differences between the municipalities may have influenced the quantitative wood anatomy. The mean of the basic density of regions was 0,33 g cm-³ and statistically there was no difference among the values.
Keywords: Paricá; Density; Anatomy.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.