Scientia Forestalis, volume 41, n. 98
p.195-203, junho de 2013

Determinantes do preço da castanha-do-Brasil (Bertholletia excelsa) no mercado interno brasileiro

Determinants of the Brazil nut price (Bertholletia excelsa) on the domestic market

Humberto Angelo1
Alexandre Nascimento de Almeida2
Rafael de Azevedo Calderon3
Raquel Souza Pompermayer4
Álvaro Nogueira de Souza5

1Eng. Florestal, Professor Doutor. UNB - Universidade de Brasília – Departamento de Engenharia Florestal - Faculdade de Tecnologia. Caixa Postal 04357 – Asa Norte – 70919-970 – Brasília, DF – E-mail: humb@unb.br.
2Eng. Florestal, Professor Doutor. Universidade de Brasília/UnB. Faculdade UnB de Planaltina/FUP. Área Universitária n. 1 – Vila Nossa Senhora de Fátima – Planaltina – DF – 73300-000. E-mail: alexalmeida@unb.br.
3Eng. Florestal, Professor Mestre. UFAC - Universidade Federal do Acre. Campus de Cruzeiro do Sul – Departamento de Engenharia Florestal. Cx. P. 4336 – Asa Norte – 70904-970 – Brasília, DF – E-mail: racalderon@unb.br.
4Eng. de Produção, Doutoranda em Ciências Florestais. UNB - Universidade de Brasília - Departamento de Engenharia Florestal. Caixa Postal 04357 – Asa Norte – 70919-970 – Brasília, DF – E-mail: rasop97@yahoo.com.
5Eng. Florestal, Professor Doutor. UnB - Universidade de Brasília – Faculdade de Tecnologia - Departamento de Engenharia Florestal. Cx. P. 04357 – Asa Norte – 70919-970 – Brasília, DF – E-mail: ansouza@unb.br.

Recebido em 06/03/2012 - Aceito para publicação em 13/03/2013

Resumo

O extrativismo de coleta da castanha-do-Brasil é de suma importância para a sustentabilidade das florestas tropicais no Brasil. No entanto, apesar da importância socioeconômica dos produtos florestais não madeireiros, o mercado de castanha tem sido pouco estudado no País. O objetivo deste trabalho foi o estudo do preço da castanha-do-Brasil e dos fatores que o determinam para o período de 1988 a 2008. Como base metodológica utilizou-se o método dos mínimos quadrados ordinários (MQO). Os resultados mostram que as variáveis: produção de castanha, renda, taxa de câmbio, malha viária e a taxa de desmatamento, explicam o preço da castanha-do-Brasil. Os resultados não somente são promissores, pois o aumento na renda corrobora para elevação do preço da castanha no mercado doméstico, mas também preocupa, dado o significativo impacto da taxa de desmatamento no preço da castanha-do-Brasil.
Palavras-chave: castanha-do-Brasil, análise de mercado, econometria, PFNM.

Abstract

The extraction of Brazil nuts is of great importance for the sustainability of tropical forests in Brazil. However, despite the socioeconomic importance of non-timber forest products, the market for Brazil nuts has been little studied in this country. The objective of this work was to study the factors that determine the price of Brazil nut for the period 1988 to 2008. The method used is ordinary least squares (MQO). The results show that the variables nut production, income, exchange rate, road network and the rate of deforestation, explain the price of Brazil nut. The results are promising, since the identification of a direct relationship between income and price of the Brazil nut in the domestic market, but also worrying, given the significant impact of the deforestation rate in the price.
Keywords: Brazil nuts, market analysis, econometrics, NTFP.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.