Scientia Forestalis, volume 42, n. 104
p.565-571, dezembro de 2014

Variação genética em caracteres silviculturais em teste de progênies de Anadenanthera falcata (Benth) Speng.

Genetic variation of silvicultural traits in an Anadenanthera falcata (Benth) Speng) progeny test

Victória Campos Monteiro Pires1
Karina Martins2
Ana Flávia Francisconi3
Osmar Vilas Bôas4
Miguel Luiz Menezes Freitas5
Alexandre Magno Sebben6

1Engenheira Florestal. UFSCar -  Universidade Federal de São Carlos. Rodovia João Leme dos Santos, Km 110 - SP-264, Bairro Itinga, 18052-780 - Sorocaba, SP – Brasil.  E-mail: victoriacmpires@hotmail.com
2Professora Doutora. UFScar - Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Biologia. Rodovia João Leme dos Santos, Km 110 - SP-264, Bairro Itinga - 18052-780 - Sorocaba, SP – Brasil. E-mail: karimartins@yahoo.com
3Discente Engenharia Florestal. UFSCar - Universidade Federal de São Carlos. Rodovia João Leme dos Santos, Km 110 - SP-264, Bairro Itinga - 18052-780-  Sorocaba,SP – Brasil. E-mail: anaf_f@hotmail.com
4Pesquisador Científico. IF - Instituto Florestal de São Paulo, Divisão de Florestas e Estações Experimentais, Seção de Estação Experimental de Assis - Estrada Assis-Lutécia, Km 09, Zona Rural - 19800-970 - Assis, SP – Brasil. E-mail: osmarvb@gmail.com
5Doutor. Pesquisador Científico. IF - Instituto Florestal de São Paulo. Seção de Melhoramento Florestal - Rua do Horto, 931, Horto Florestal - 02377-000 - São Paulo, SP – Brasil. E-mail: miguellmfreitas@yahoo.com.br
6Doutor. Pesquisador Científico. IF - Instituto Florestal de São Paulo. Estação Experimental de Tupi - Rodovia Luiz de Queiroz, Km 149,5 - 13400-970 -  Piracicaba, SP – Brasil. E-mail: alexandresebbenn@yahoo.com.br

Recebido em 07/11/2013 - Aceito para publicação em 28/07/2014

Resumo

Anadenanthera falcata é uma espécie arbórea de pequeno porte cuja boa qualidade de sua madeira proporciona diversos usos para a espécie, como construção civil, postes, dormentes e fabricação de móveis. A fragmentação de habitats de sua ocorrência representa a principal ameaça para a sobrevivência da espécie e, neste caso, a conservação ex situ de populações da espécie torna-se necessária. Esse trabalho apresenta resultados da variação genética para caracteres silviculturais em um teste de progênies de A. falcata, aos nove e aos 17 anos, instalado em Assis-SP para fins de conservação ex situ da espécie. Diferenças significativas entre progênies foram detectadas apenas para o caráter altura, sendo que essas diferenças foram maiores aos 17 anos. A herdabilidade média entre progênies para altura aumentou consideravelmente entre os nove (0,33) e 17 anos de idade (0,76). A correlação genética entre nove e 17 anos de idade foi alta para o caráter altura, indicando que as diferenças genéticas entre as progênies se mantiveram ao longo dos anos. Assim, a seleção precoce para esse caráter poderá ser adotada efetivamente.
Palavras-chave: caracteres quantitativos, correlação genética, herdabilidade, melhoramento florestal.

Abstract

Anadenanthera falcata is a small tree species whose timber is used in construction and furniture and also as poles and railway sleepers. Habitat fragmentation is the main threat to the maintenance of natural populations of this species. In this situation, ex situ conservation strategies are necessary. This study presents estimations of genetic variation for silvicultural traits in a progeny test of A. falcata at nine and 17 years-old, established in the municipality of Assis, São Paulo state – Brazil, for the purpose of ex situ conservation. Significant differences between progenies were detected only for total height, this being largest at age 17th. The average heritability among progenies was higher at 17 (0.76) than at nine years of age (0.33). The genetic correlation for height between nine and 17 years old was high. This means that the genetic differences among progenies were maintained over the years. Therefore, early selection for this trait would have been effective.
Keywords: quantitative traits, genetic correlation, heritability, tree breeding.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.