Scientia Forestalis, volume 43, n. 105
p.101-116, março de 2015

Efeito da idade e do sítio na densidade básica e produção de massa seca de madeira em um clone do Eucalyptus urophylla

Effect of age and site on the basic density and dry mass of wood from a clone of Eucalyptus urophylla

Vivian Amaral Meneses1
Paulo Fernando Trugilho2
Natalino Calegario2
Helio Garcia Leite3

1Mestre em Ciência e Tecnologia da Madeira. UFLA – Universidade Federal de Lavras -Departamento de Ciências Florestais. Caixa Postal 3037 -  37200-000, Lavras, MG. E-mail: vivianmaral@gmail.com
2Professor Doutor. UFLA - Universidade Federal de Lavras -  Departamento de Ciências Florestais. Caixa Postal: 3037 - 37200-000, Lavras, MG. E-mail: trugilho@dcf.ufla.br; calegari@dfc.ufla.
3Professor Doutor. UFV – Universidade Federal de Viçosa - Departamento de Engenharia Florestal. Caixa Postal: 3657 - 36570-000 - Viçosa, MG. E-mail: hgleite@gmail.com.

Recebido em 04/12/2013 - Aceito para publicação em 22/10/2014

Resumo

Objetivou-se avaliar o efeito da idade e do sítio sobre a densidade básica da madeira e a produção de massa seca. Utilizou-se o clone de um híbrido do Eucalyptus urophylla (GG 100), nas idades de quatro, cinco, seis, sete, oito e nove anos, proveniente de áreas de propriedade da Gerdau Florestal S.A., nos seguintes locais (macrossítios): João Pinheiro, Montes Claros, Rio Pardo de Minas, Sul de Minas e Três Marias, no Estado de Minas Gerais, Brasil. Dentro de cada local, foram selecionadas cinco árvores por sublocal (microssítio), totalizando em 485 árvores. Retiraram-se discos a 2%, 10%, 30%, 50% e 70% da altura comercial e um disco extra na região do DAP. A densidade básica foi determinada de acordo com a norma NBR 11941 da ABNT (2003). O incremento médio anual em massa seca foi obtido multiplicando-se o incremento médio anual volumétrico (IMA) pela densidade básica a 1,30 m de altura ou pela densidade básica média. Os resultados indicaram efeito significativo da interação local x idade na densidade básica e nas características de crescimento. O local que apresentou melhor índice pluviométrico e melhor crescimento das árvores, Sul de Minas, influenciou negativamente o valor da densidade básica e positivamente a produção de massa seca do clone GG 100.
Palavras-chave: eucalipto, qualidade da madeira, biomassa.

Abstract

This study aimed to evaluate the age and site effects on wood basic density and dry mass production. One hybrid clone of Eucalyptus urophylla (GG 100) was used in the ages of four, five, six, seven, eight and nine years, from areas owned by Gerdau Florestal S.A. Company at the following locations (macro-sites): João Pinheiro, Montes Claros, Rio Pardo de Minas, Southern Minas Gerais and Três Marias, in Minas Gerais State, Brazil. Within each location, five trees were selected by subsampling (micro-sites), totaling 485 sampled trees. Discs were removed at 2%, 10%, 30%, 50% and 70% of the commercial height and one extra at DBH position. The basic density was determined according to NBR 11941 of ABNT (2003). The mean annual increment in dry mass was obtained by multiplying the average annual volume increment (MAI) with the basic density at 1.30 m height or the mean basic density. The results showed a significant effect of interaction between site and age in basic density and tree growth characteristics. The location that showed the best rainfall and the best growth of trees, Southern Minas Gerais, negatively affected the value basic density and positively the dry mass production of clone GG 100.
Keywords: Eucalyptus, wood quality, biomass.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.