Scientia Forestalis, volume 42, n. 102
p.269-277, junho de 2014

Crescimento inicial de plantas de teca em monocultivo e sistema Taungya com milho em Figueiropolis D´Oeste, Estado de Mato Grosso

Growth of plants of teak in monoculture and Taungya system with corn, Figueirópolis D´Oeste, Mato Grosso

Mariana Soares Moretti1
Antonio de Arruda Tsukamoto Filho2
Reginaldo Brito da Costa2
Rubens Marques Rondon Neto3
Reginaldo Antonio Medeiros4
Roberto Antonio Ticle de Melo e Sousa2

1Engenheira Florestal, Mestre em Ciências Florestais e Ambientais. UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso - Av. Fernando Correa da Costa. s/n - Coxipó -. 78060-900 - E-mail: marianamqs@hotmail.com.
2Engenheiro Florestal, Doutor, Professor da Faculdade de Engenharia Florestal. UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso - Av. Fernando Correa da Costa. s/n - Coxipó -78060-900 - E-mail: tsukamoto@cpd.ufmt; ratms@terra.com.br; reg.brito.costa@gmail.com.
3Engenheiro Florestal, Doutor, Professor Faculdade de Engenharia Florestal. UNEMAT - Universidade do Estado de Mato Grosso - Av. Perimetral Rogério Silva. s/n - Residencial Flamboyant - E-mail: rubensrondon@yahoo.com.br.
4Engenheiro Florestal, Doutorando em Ciências Florestais. UFV - Universidade Federal de Viçosa - Av. P. H. Rolfs, s/n - 36570-000 - E-mail: reginaldomedeiros@ig.com.br.

Recebido em 22/07/2013 - Aceito para publicação em 14/03/2014

Resumo

O objetivo deste estudo foi comparar o crescimento de plantas seminais e clonais de Tectona grandis L.f. no campo, em diferentes sistemas de preparo do solo, em monocultivo e com milho no sistema taungya, no município de Figueirópolis D’Oeste, estado de Mato Grosso.  As mudas foram plantadas em 2010, no espaçamento 4 m x 2 m, utilizando o delineamento em blocos ao acaso, em esquema de parcela subdividida, com 12 tratamentos e quatro repetições. Aos 12 meses após o plantio das mudas avaliou-se a altura total, diâmetro a 5 cm de altura do solo, número de pares de folhas, número de brotações e sobrevivência. Os dados foram submetidos à análise de variância e os tratamentos foram comparados pelo Teste de Tukey (p<0,05). As plantas clonais de teca apresentaram maior sobrevivência e número de brotações que as plantas seminais tanto no sistema taungya (com milho) como no monocultivo de teca (sem milho). O maior crescimento em altura e em diâmetro das plantas clonais e seminais de teca ocorreu no preparo convencional do solo, com desempenho superior no monocultivo de teca em relação ao sistema taungya.
Palavras-chave: Sistema agroflorestal, integração lavoura-floresta, preparo de solo, propagação de planta.

Abstract

The aim of this study was to compare the growth of clonal plants clonals and seedlings of Tectona grandis L.f. in the field, in different systems of tillage, monoculture and in the taungya system with corn, in the municipality of Figueirópolis D'Oeste, Mato Grosso. Plants were planted in 2010, in spaced at 4 m x 2 m, using a randomized block design, in a split plot design, with 12 treatments and four replications. At 12 months after planting, the seedlings were evaluated for total height, diameter at 5 cm above ground level, number of leaves, number of shoots and survival. Data were subjected to analysis of variance and the treatments were compared by Tukey test (p<0,05). Clonal plants showed higher survival and number of shoots that seedlings both in the taungya system (with maize) as in monoculture (without maize). The greatest growth in height and diameter of the clonal and seedlings of teak occurred with conventional tillage, with superior performance of teak in monoculture when compared to taungya system.
Keywords: Agroforestry system, integrated crop-forest, soil preparation, plant propagation.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.