Scientia Forestalis, volume 41, n. 98
p.271-282, junho de 2013

Simulação de perdas de solo em função de cenários de adequação ambiental em microbacias agrícolas

Simulation of soil losses according to environmental adequacy law scenarios in agricultural catchments

Silvio Frosini de Barros Ferraz1
Matheus Fernando Pereira2
Felipe Rosetti de Paula3
Carlos Alberto Vettorazzi4
Clayton Alcarde Alvares5

1Professor Doutor. USP – Universidade de São Paulo, ESALQ – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Departamento de Ciências Florestais. Av. Pádua Dias 11, Agronomia, 13488-900, Piracicaba/SP. E-mail: silvio.ferraz@usp.br.
2Engenheiro Ambiental. UNESP - Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”, Instituto de Geociências e Ciências Exatas de Rio Claro. Av. 24 A, 1515 - 13506-900, Rio Claro - SP.
3Estudante de pós-graduação. Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”, Instituto de Geociências e Ciências Exatas de Rio Claro. Av. 24 A, 1515 - 13506-900, Rio Claro - SP.
4Professor Associado. Universidade de São Paulo, ESALQ – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Departamento de Engenharia Rural. Av. Pádua Dias 11, Agronomia, 13488-900, Piracicaba/SP. Email:. Email: cavettor@usp.br.
5Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais (IPEF) e Forest Productivity Cooperative (FPC).. Avenida Comendador Pedro Morgante, 3500. 13415-000, Piracicaba – SP. E-mail: clayton@ipef.br.

Recebido em 02/05/2012 - Aceito para publicação em 30/04/2013

Resumo

A retirada da cobertura florestal e introdução de culturas agrícolas no Estado de São Paulo vêm aumentando os processos de perdas de solo, principalmente em locais de solos susceptíveis em que não são adotadas práticas conservacionistas. A adequação de propriedades com o reflorestamento das Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal é considerada como potencial fator de redução das perdas de solo e baseando-se nisto, este projeto teve como objetivo a avaliação das perdas de solo em função de diferentes cenários de adequação ambiental. Foram realizadas simulações de processos erosivos em 15 microbacias pertencentes à bacia do rio Corumbataí, SP, considerando a situação atual do uso e cobertura do solo e diferentes cenários de reflorestamento, visando a analisar o potencial benefício obtido pela aplicação parcial do Código Florestal vigente. Os cenários incluem a restauração florestal em Áreas de Proteção Permanente (APP), Áreas Hidrologicamente Sensíveis (AHS) e dois cenários com a restauração florestal da Reserva Legal em 20% de cada microbacia, sendo um deles estabelecido para as áreas mais críticas em termos de erosão e o outro aleatoriamente distribuído na paisagem. Observou-se que para as condições testadas, os estabelecimentos de APP e de AHS ofereceram pequena contribuição para o controle dos processos erosivos, implicando em uma redução de 10% e 7,4%, respectivamente, enquanto que a restauração da Reserva Legal em áreas críticas resultou na expressiva redução de 69,8%. O cenário aleatório, por sua vez, implicou em redução de 21,4%. Os resultados obtidos indicam que a restauração de florestas nas propriedades pode reduzir as perdas de solos, mas estudos prévios de priorização de áreas e planejamento aumentam significativamente a sua eficiência neste processo.
Palavras-chave: Erosão; Recomposição florestal; EUPS.

Abstract

In São Paulo state, deforestation and agriculture activities are increasing soil losses processes, especially in areas of susceptible soils where soil conservation practices are not adopted. Environmental adequacy at property level regarding Permanent Protection Areas and Legal Reserves is considered a potential factor for reducing soil losses and it was based on this fact that we assessed soil losses of different scenarios of environmental adequacy. Simulations of erosive processes were carried out in 15 catchments of the Corumbataí river basin, with different forest restoration scenarios, as well as the current situation of land use/land cover. The scenarios include reforestation of Permanent Preservation Areas (PPA); the reforestation hydrological sensitive areas; and two scenarios, the Legal Reserve installation in 20% of each catchment, being one of them for most critical areas in terms of erosion and the other at random. It was observed that the establishment of PPA and the reforestation of hydrological sensitive areas (HSA), offered a small contribution to the control of the erosive process, resulting in a reduction of 10% and 7.4%, respectively, while the legal reserve in critical areas has the significant reduction of 69.8%. The random scenario, in turn, resulted in a reduction of 21.4% of erosion. Results show that reforestation can reduce soil losses, but previous studies of land prioritization and planning could significantly increase its efficiency.
Keywords: Erosion; reforestation; USLE.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.