Scientia Forestalis, volume 43, n. 106
p.407-415, junho de 2015

Variabilidade genética para caracteres silviculturais em progênies de polinização aberta de Balfourodendron riedelianum (Engler)

Genetic variability of silvicultural traits in opened-pollinated progenies of Balfourodendron riedelianum (Engler)

Thaisa Yuriko Kuboyama Kubota1
Marcela Aparecida de Moraes1
Erica Cristina Bueno da Silva1
Silvelise Pupin1
Ananda Virgínia Aguiar2
Mario Luiz Teixeira de Moraes3
Miguel Luiz Menezes Freitas4
Aida Sanae Sato5
José Arimatéia Rabelo Machado5
Alexandre Magno Sebbenn6

1Pós-graduanda em Agronomia. UNESP – Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” / Faculdade de Engenharia – Av. Brasil Centro, 56 – Caixa Postal: 31 - Ilha Solteira, SP – CEP: 15.385-000. E-mail: erica_cbs@yahoo.com.br; ma_apmoraes@yahoo.com.br; silvelise.pupin@gmail.com; thaisayuriko@yahoo.com.br.
2Pesquisadora Doutora. EMBRAPA Florestas  - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária 83411-000 - – Colombo-PR . E-mail: anandaguiar@yahoo.com.br.
3Professor Titular do Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Sócio Economia, UNESP – Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” / FEIS - Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira. CEP 15385-000 - Ilha Solteira, SP. E-mail: teixeira@agr.feis.unesp.br.
4Diretor, Pesquisador Doutor. IF - Instituto Florestal de São Paulo. Caixa Postal 1322 - CEP: 01059-970, São Paulo, SP. E-mail: miguellmfreitas@yahoo.com.br.
5Assistente Técnico de Pesquisa Científica e Tecnológica.  IF - Instituto Florestal de São Paulo. Caixa Postal 1322 - CEP: 01059-970, São Paulo, SP.
6Pesquisador Doutor. IF - Instituto Florestal de São Paulo. Caixa Postal 1322 - CEP: 01059-970, São Paulo, SP. E-mail: alexandresebbenn@yahoo.com.br.

Recebido em 21/02/2014 - Aceito para publicação em 12/02/2015

Resumo

A fragmentação das florestas naturais tem reduzido as populações de muitas espécies de árvores ao redor do mundo. Devido a isso, é fundamental a adoção de estratégias de conservação genética ex situ para garantir a perpetuação dos recursos naturais atuais. Dentro deste contexto, o objetivo deste trabalho foi estimar parâmetros genéticos em um teste de procedências e progênies de Balfourodendron riedelianum , estabelecido para fins de conservação genética ex situ na Estação Experimental de Pederneiras, do Instituto Florestal de São Paulo. Os seguintes caracteres silviculturais foram avaliados: altura, diâmetro a altura do peito (DAP), forma de tronco, bifurcação, volume e sobrevivência. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos de famílias compactas, com 46 progênies de polinização aberta procedentes de três populações naturais (13 progênies de Alvorada do Sul-PR, 16 de Gália-SP e 17 de Bauru-SP, seis repetições, subparcelas de cinco plantas em linha e espaçamento de 3 x 3 m. O teste foi mensurado aos 27 anos de idade e as estimativas dos parâmetros genéticos foram feitas utilizando-se a metodologia de modelo linear misto univariado aditivo REML/BLUP. Foram detectadas diferenças significativas pelo teste da razão de verossimilhança na análise de deviance das procedências para todos os caracteres. O coeficiente de herdabilidade, em nível de média de progênies variou de moderado a alto para todos os caracteres (0,38 a 0,63), indicando que substancial parte da variação fenotípica entre as progênies é de origem genética. Isso sugere a possibilidade de melhorar a média populacional dos descendentes desta população, pela seleção entre progênies. As estratégias de seleção de 60% dos indivíduos para o caractere DAP, utilizando o índice de multi-efeito revelaram baixos ganhos na seleção para todas as procedências. Os resultados também sugerem que as sementes coletadas no pomar de sementes proposto devem apresentar baixos incrementos nas médias do DAP, em razão do baixo ganho de seleção.
Palavras-chave: espécies arbóreas; parâmetros genéticos; teste de procedências.

Abstract

The fragmentation of natural forests has reduced the size of the populations of many tree species around the world. Because of this, it is essential to adopt strategies for ex situ conservation of the remaining populations to ensure the perpetuation of the genetic resources. Thus the aim of this study was to estimate the genetic parameters for the traits: tree height, diameter at breast height (DBH), stem form, forking, volume of wood and survival in a provenance and progeny test of Balfourodendron riedelianum . The field trial was established at the Pederneiras Experimental Station, Forestry Institute of the State of São Paulo. The experimental design was a compact family block, with 46 open-pollinated progenies originating from three natural populations (13 progenies from Alvorada do Sul-PR, 16 from Galia-SP and 17 from Bauru- SP), six replicates and five plants per subplot, spaced at 3 x 3 m. The test was assessed at the age of 27 years and estimates of genetic parameters were obtained using the method of additive univariate linear mixed model REML/BLUP. Significant differences were detected by the likelihood ratio test in the analysis of deviance of provenances for all traits. The coefficient of heritability at progeny means level varied from moderate to high for all traits (0.38 to 0.63), indicating that much of the phenotypic variation among the progenies tested is of genetic origin. This suggests the possibility of improving the means of the offspring of the trees of this population through the selection among progenies. The proportion of selection of 60% of the trees, for the DBH trait using the index of multi-effect, showed small gains at provenance levels. The results also suggest that the seeds collected in the proposed seed orchard will cause small increase in the DBH mean due to the low estimates of the genetic gains.
Keywords: genetic parameters; provenance test; tree species.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.