Scientia Forestalis, volume 44, n. 111
p.739-750, setembro de 2016
DOI: dx.doi.org/10.18671/scifor.v44n111.20

Ajuste de modelos matemáticos lineares e não lineares para estimativa de biomassa e nutrientes de Anadenanthera colubrina var. cebil no semiárido pernambucano

Setting linear and nonlinear mathematical models for biomass estimate and nutrients in Anadenanthera colubrina var. cebil in the semiarid region of Pernambuco

Jadson Coelho de Abreu1
José Antônio Aleixo da Silva2
Rinaldo Luiz Caraciolo Ferreira2
Francisco Tarcísio Alves Junior3

1Professor Assistente do Colegiado de Engenharia Florestal. UEAP - Universidade do Estado do Amapá. Avenida Presidente Vargas - 68906970 - Macapá, AP, Brasil. E-mail: jadson.abreu@ueap.edu.br.
2Professor Titular do Departamento de Ciência Florestal. UFRPE - Universidade Federal Rural de Pernambuco. Rua Dom Manoel de Medeiros – 52171-900 - Recife, PE, Brasil. E-mail: jaaleixo@uol.com.br; rinaldo@dcfl.ufrpe.br.
3Professor Adjunto do Colegiado de Engenharia de Produção. UEAP - Universidade do Estado do Amapá. Avenida Presidente Vargas - 68906970 - Macapá, AP, Brasil. E-mail: tarcisioalvesjr@yahoo.com.br.

Recebido em 05/11/2015 - Aceito para publicação em 23/02/2016

Resumo

O objetivo deste trabalho foi testar diferentes modelos matemáticos para estimar a biomassa e nutrientes das partes aéreas baseados em variáveis dendrométricas de Anadenanthera colubrina var.cebil (Griseb.) Altschu no semiárido pernambucano e selecionar a melhor equação com base nos critérios estatísticos: índice de ajuste, erro padrão da estimativa e distribuição gráfica dos resíduos. Foram selecionados 20 indivíduos para biomassa e 10 para os nutrientes. Foram testados diferentes modelos matemáticos com a finalidade de estimar as quantidades de biomassa e nutrientes utilizando como variável dependente o peso de biomassa em kg e o ter de nutrientes (N, P, K, Ca, S, Mg), e como variáveis independentes o diâmetro à altura do peito (1,3 m), as alturas total (HT) e comercial (HC) das árvores. Para biomassa e nutrientes total as equações apresentaram ajustes satisfatórios, porém por compartimento das árvores não foi possível se obter boas equações para alguns nutrientes (P, K, Mg), a acurácia dos ajustes foi boa para os demais nutrientes (N, Ca, S) e biomassa verde.
Palavras-chave: Caatinga, Equações de biomassa, Índice de Ajuste.

Abstract

The objective of this study was to test different mathematical models to estimate the biomass and nutrient contents from the aerial parts based on the dendrometric variables of Anadenanthera colubrina var. cebil (Griseb.) Altschu from semiarid Pernambuco and select the best equation based on statistical criteria of adjustment index, standard error of estimation and graphic distribution of residues. 20 individuals were selected for biomass and 10 for nutrients. Different mathematical models were tested in order to estimate quantities of biomass and nutrients, using as the dependent variable biomass weight in kg of nutrients (N, P, K, Ca, S, Mg); and as independent variables the diameter at breast height (1.3 m); the overall height (HT) and commercial (HC) trees. For biomass and overall nutrient the equations showed good fits; however per compartment of the trees it was not possible to get good equations for some nutrients (P, K, Mg). The accuracy of the adjustments was good for the other nutrients (N, Ca, S) and green biomass.
Keywords: Caatinga, biomass equations, setting Index.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.