Scientia Forestalis, volume 43, n. 106
p.477-484, junho de 2015

Curva ABC de estoques de densidade e volume aplicada ao manejo florestal de caatinga

ABC analysis applied in forest inventory and management in xerophytic vegetation (caatinga)

Isabelle Maria Jacqueline Meunier1
Rinaldo Luiz Caraciolo Ferreira2
José Antônio Aleixo da Silva2

1Professora Associada do Departamento de Ciência Florestal. UFRPE – Universidade Federal Rural de Pernambuco. Rua Manoel de Medeiros, s/n - Dois Irmãos – CEP: 52171-900 - Recife, PE. E-mail: imjmeunier@gmail.com.
2Professor Titular do Departamento de Ciência Florestal. UFRPE – Universidade Federal Rural de Pernambuco. Rua Manoel de Medeiros, s/n - Dois Irmãos – CEP: 52171-900 - Recife, PE. E-mail: rinaldo@dcfl.ufrpe.br; jaaleixo@uol.com.br.

Recebido em 27/05/2014 - Aceito para publicação em 23/02/2015

Resumo

Objetivou-se testar a Curva ABC na análise de dados de inventário de duas áreas de caatinga em diferentes estágios de sucessão, averiguando se a lenha seria o uso mais adequado e avaliando o efeito do tempo de regeneração na estrutura de composição. Os dados foram coletados em savana-estépica arborizada, em Floresta – PE. Estimaram-se Valor de Cobertura (VC%) e Valor de Volume (VV%), cujos valores acumulados foram plotados em curvas, delimitando-se classes A, B e C, correspondentes, respectivamente, a 70, 25 e 5%, observando o número de espécies e sua adequação ao uso como lenha. A composição da classe A das duas áreas foi comparada pelo teste de qui-quadrado (1%). As duas áreas diferiram quanto a densidade e volume e as proporções de Poincianella bracteosa (Tul.) L.P. Queiroz, Jatropha molissima (Pohl) Baill. e Piptadenia moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson foram superiores na área de regeneração mais recente. Na área mais conservada, a maior parte do volume esteve associada às maiores árvores, de espécies protegidas (Myracrodruon urundeuva Allemão e Schinopsis brasiliensis Engl.) ou que fornecem lenha de má qualidade (Commiphora leptophloeos (Mart.) J.B. Gillett, Manihot carthaginensis subsp. glaziovii (Müll. Arg.) Allem., Cnidoscolus quercifolius Pohl). A maior concentração de VC% e VV% em poucas espécies na área de regeneração mais recente em relação à mais conservada representou diferença na diversidade que não foram identificadas pelo índice de Shannon. A interpretação da Curva ABC de Valor de Cobertura e Valor de Volume ajudou a avaliar o potencial de uso da vegetação e monitorar a dinâmica da vegetação sucessora após intervenções do manejo.
Palavras-chave: Inventário florestal; lenha; savana-estépica.

Abstract

This work uses the ABC analysis of inventory data from two areas of caatinga, type of vegetation of semi-arid region of Brazil, in different stages of succession, to check if firewood would be the most appropriate use and to evaluate the effect of time of succession in the composition structure. Data were collected in steppe-savanna in Floresta - Pernambuco, Brazil. The relative cover-abundance value and the relative volume value were estimated and their accumulated values were plotted on curves, delimiting the classes A, B and C, corresponding respectively to 70, 25 and 5 %, registering the number of species and their suitability for use as firewood. The composition of the class A of the two areas was compared by chi-square test (1%). The density and volume of the two areas differed and the proportions of Poincianella bracteosa Tul.) L.P. Queiroz, Jatropha molissima (Pohl) Baill. and Piptadenia moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson were higher in the area of latest regeneration. In more conserved area, most of the volume was associated with larger trees of protected species (Myracrodruon urundeuva Allemão and Schinopsis brasiliensis Engl.) or those which provide poor quality firewood (Commiphora leptophloeos (Mart.) J.B. Gillett, Manihot carthaginensis subsp glaziovii (Müll. Arg.) Allem., Cnidoscolus quercifolius Pohl). The highest concentration of coverage and volume in few species in area with most recent vegetation in relation to the area with more mature vegetation indicated differences in diversity, not identified by the Shannon index. The ABC analysis helps to evaluate the potential use of vegetation and monitor the dynamics of the succession after vegetation interventions.
Keywords: Forest inventory; firewood; steppical-savanna.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.