Scientia Forestalis, volume 46, n. 120
p.562-570, dezembro de 2018
DOI: dx.doi.org/10.18671/scifor.v46n120.05

Physiological quality of Erythrina velutina Willd. (FABACEAE) seeds under different storage conditions

Qualidade fisiológica de sementes de Erythrina velutina Willd. (FABACEAE) em diferentes condições de armazenamento

Renata Conduru Ribeiro1
Samara Elizabeth Vieira Gomes1
Bárbara França Dantas1

1Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa. Petrolina / PE, Brasil. - E-mail: rconduru@gmail.com

Received 2017/30/08 - Accepted 2018/02/05

Resumo

O objetivo nesse trabalho foi avaliar o efeito de diferentes embalagens e ambientes de armazenamento para manutenção da qualidade fisiológica das sementes de Erythrina velutina Willd. (mulungu). As sementes de E. velutina foram coletadas, beneficiadas e acondicionadas em embalagens de papel Kraft ou plástico transparente e armazenadas a temperatura ambiente (30±5 ºC, 56±6% UR) e em câmara fria (10±2 ºC, 74±4% UR), por um período de até 420 dias. As sementes recém colhidas e as armazenadas por 90, 210, 300 e 420 dias foram avaliadas quanto a teor de água, germinação e de vigor de plântulas. Observou-se que o teor de água das sementes de mulungu foi alterado com o tempo de armazenamento e o tipo de embalagem utilizada. A germinação não foi afetada durante o período de armazenamento para todos os ambientes e embalagens, no entanto, não significou com isto o sucesso no vigor das plântulas ou seja, maior crescimento e acúmulo de biomassa seca. Mesmo ocorrendo a diminuição no vigor das plântulas, com o tempo de armazenamento, em temperatura ambiente, sacos de papel e plásticos até 420 dias, proporcionou uma melhor manutenção da qualidade das sementes de mulungu.
Palavras-chave: vigor, mulungu, ambientes.

Abstract

The objetive of this work was to evaluate the effect of different bags and storage environments in maintaining the physiological quality of Erythrina velutina Willd. (mulungu) seeds. E. velutina seeds were collected, processed and placed in Kraft paper and transparent plastic bags,and stored  at room temperature (30±5 ºC, 56±6% RH) and  cold chamber (10±2 ºC, 74±4% RH) for up to 420 days. Recently harvested seeds and the ones stored for 90, 210, 300 and 420 days were evaluated for water content , germination  and seedling vigor. It was observed that the water content of mulungu seeds was altered by storage periods and bagging; germination was not affected during the evaluation period for all environments and bagging. However, this did not mean successful seedling vigor or higher growth and dry biomass accumulation. Even with the decrease in seedling vigor according to storage time, in room temperature, in paper and plastic bags up to 420 days provided a better maintenance of the quality of mulungu seeds.
Keywords: vigor, mulungu, enviroments.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.