Scientia Forestalis, volume 45, n. 113
março de 2017
DOI: dx.doi.org/10.18671/scifor.v45n113.05

Efeito de nanopartículas de ZnO na resistência da madeira de pinus tratada termicamente à radiação UV

Effect of ZnO nanoparticles on UV resistance of the heat-treated pine wood

Dallyene da Silva Poubel1
Rosilei Aparecida Garcia2
Roberto Carlos Costa Lelis2
Bernard Riedl3

1Mestre em Ciências Ambientais e Florestais. UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. BR-465, KM 7 – 23.897-000 – Seropédica, RJ, Brasil. E-mail: dallyenepoubel@hotmail.com
2Professor(a) Titular do Departamento de Produtos Florestais. UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. BR-465, KM 7 – 23.897-000 – Seropédica, RJ, Brasil. E-mail: rosileigar@hotmail.com; lelis@ufrrj.br
3Professor Doutor. Université Laval / Centre de recherche sur les matériaux renouvelables (CRMR). 2425, rue de la Terrasse – G1V0A6 – Québec, Canadá. E-mail: bernard.riedl@sbf.ulaval.ca

Recebido em 27/02/2016 - Aceito para publicação em 01/07/2016

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de nanopartículas de óxido de zinco (ZnO) na estabilidade da cor da madeira de pinus tratada termicamente após exposição à radiação ultravioleta (UV). Amostras de madeira foram tratadas à 180, 200 e 220oC durante 2 h e impregnadas com uma solução aquosa de nanopartículas de ZnO à 1,5% sob pressão e vácuo. O material foi exposto à radiação UV durante 168 h sendo efetuadas medições de cor a cada 42 h. As análises colorimétricas foram realizadas no espaço L*a*b CIE 1976. A radiação UV alterou a cor da madeira. As nanopartículas de ZnO foram ineficientes para a proteção da madeira não tratada termicamente. Entretanto, as nanopartículas associadas ao tratamento térmico à 220oC melhorou a resistência da madeira à radiação UV.
Palavras-chave: nanotecnologia, óxido de zinco, espaço de cor L*a*b* CIE 1976.

Abstract

The objective of this study was to evaluate the effect of zinc oxide (ZnO) nanoparticles on the color stability of heat-treated pine wood after exposure to ultraviolet (UV) radiation. Wood samples were heat-treated at 180, 200 and 220oC for 2 h and impregnated with a solution of 1.5% ZnO nanoparticles under pressure and vacuum. The material was exposed to UV radiation during 168 h and color measurements were taken every 42 hours. Color measurements were realized on the CIE 1976 L*a*b* space. UV radiation changed wood color. ZnO nanoparticles were ineffective to protect the untreated wood. However, nanoparticles associated to heat treatment at 220oC improved the resistance of wood to UV radiation.
Keywords: nanotechnology, zinc oxide, CIE 1976 L*a*b* color space.





Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.